‘Sou capaz de tirar a prefeitura do Crivella no segundo turno’, diz Indio

‘Sou capaz de tirar a prefeitura do Crivella no segundo turno’, diz Indio

Candidato aposta em sua própria biografia e no ataque a adversários para conquistar votos      

O candidato Indio da Costa (PSD), que ressalta desde o início da campanha suas críticas à gestão de Eduardo Paes, disparou nesta sexta-feira também contra Marcelo Crivella (PRB), líder na disputa pela prefeitura do Rio, de acordo com levantamentos do Ibope e do Datafolha. Durante uma visita a Botafogo, na Zona Sul do Rio, Indio afirmou que é capaz de “tirar de Crivella a prefeitura” em um eventual segundo turno e citou uma suposta influência do bispo Edir Macedo, fundador da Igreja Universal, e do ex-governador do Rio Anthony Garotinho sobre o candidato do PRB.

— Sou capaz de tirar a prefeitura do Crivella no segundo turno. Preciso da ajuda de quem me apoia para ir para a rua pedir votos. Você que está votando em branco ou nulo, alguém está escolhendo por você. E provavelmente é um fiel da Igreja Universal — disse.

Indio conversou com comerciantes e moradores de Botafogo
Indio conversou com comerciantes e moradores do bairro de Botafogo.

O jornal O Globo procurou a assessoria de imprensa de Crivella para comentar a declaração de Indio da Costa, mas ainda não obteve resposta.

Para conquistar votos, melhorar seu desempenho nas próximas pesquisas de intenção de voto e chegar ao segundo turno, o deputado federal tem apostado, no início da campanha, na divulgação da própria biografia e também nos ataques aos adversários, especialmente Pedro Paulo (PMDB), candidato apoiado pelo prefeito Eduardo Paes, a quem acusa de cometer ‘estelionato eleitoral’ durante a campanha. A partir desta sexta-feira, suas propostas de governo devem ganhar mais destaque no horário eleitoral e nas inserções na TV.

Enquanto os escândalos de corrupção aumentam o desânimo dos eleitores com a política, Indio costuma se apresentar no rádio, TV e na internet como o relator da Lei da Ficha Limpa e evocar a apresentação na Câmara de projetos de lei com as medidas anticorrupção defendidas pelo Ministério Público Federal.

Alguém vai ser eleito prefeito e nenhum candidato tem a história que eu tenho. Falo com o eleitor que está incomodado — ressalta.

Fonte: Jornal O Globo – 09/09/16

 

Indio da Costa diz que fará auditoria em secretarias municipais

Indio da Costa diz que fará auditoria em secretarias municipais

Indio defende maior transparência nas informações da prefeitura do Rio                

_DSC1669
Indio debate plano de governo com empresários da construção civil

O candidato a prefeito do Rio pelo PSD, deputado federal Indio da Costa, conversou na tarde desta quinta-feira com 60 empresários da área da construção civil na sede da Associação das Empresas de Engenharia do Rio, no Centro. A participação de Indio foi um convite da entidade feito a todos os candidatos. No encontro, o grupo entregou ao parlamentar as propostas do setor.

Os empresários apresentaram cinco prioridades a Indio da Costa: respeito aos contratos com a prefeitura, melhorias da gestão pública e do processo de licitação, e prioridade para as obras em andamento e para conservação da cidade. Em seu discurso, o deputado debateu seu plano de governo e respondeu as perguntas da plateia.

– Podem ter certeza: vou cumprir os contratos. Além disso, vou organizar e otimizar a prefeitura. O meu perfil é de gestor. Sou o candidato mais preparado. Sei como fazer. Fui secretário municipal de Administração. Conheço os problemas da prefeitura – ressaltou ele.

_DSC1594
Em entrevista ao Sisep, Indio anunciou que fará auditoria em secretarias municipais caso seja eleito

Indio da Costa também concedeu entrevista ao Sindicato dos Servidores Públicos Municipais do Rio (Sisep). O candidato anunciou que fará auditoria em secretarias municipais caso seja eleito. Ele defendeu a transparência em informações envolvendo as Organizações Sociais (OS) e empresas terceirizadas.

– A prefeitura tem 57 órgãos de primeiro escalão. É um absurdo. A máquina pública está inchada e cheia de cabos eleitorais do PMDB e de partidos aliados – disse Indio da Costa.

Pela manhã, o candidato esteve no Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste, onde conversou com os usuários de ônibus e ouviu as principais reclamações dos passageiros relativas ao sistema BRT.

Indio da Costa participa de encontro com comerciantes em Madureira

Indio da Costa participa de encontro com comerciantes em Madureira

Indio vai intensificar o patrulhamento com guardas municipais em Madureira           

Candidato a prefeito do Rio pelo PSD, o deputado federal Indio da Costa participou nesta sexta-feira de um almoço com os lojistas no Mercadão de Madureira, na Zona Norte. Ele estava acompanhado de seu vice na chapa, o também deputado federal Hugo Leal (PSB), e da presidente nacional do PMB, Suêd Haidar. No encontro, Indio ouviu as principais reivindicações dos comerciantes da região. Entre elas, a falta de segurança e a desordem nas calçadas.

Indio fala com comerciantes sobre prioridades para Madureira
Indio fala com comerciantes sobre prioridades para Madureira

No discurso, Indio da Costa afirmou que para resolver os problemas apontados pelos lojistas intensificará o patrulhamento de guardas municipais. A corporação, segundo ele, será integrada à Secretaria municipal de Segurança pública, pasta que ele criará caso seja eleito. O candidato recebeu reclamações como assaltos, presença de usuários de drogas e ocupação irregular de vendedores ambulantes.

– A Guarda Municipal terá uma presença maior em Madureira. Além disso, usaremos tecnologia, incluindo câmeras de segurança de alta precisão para ajudar o ordenamento urbano. Assim, teremos uma maior fiscalização. Andar nas calçadas de Madureira hoje é uma aventura. Há uma grande rede, com alto lucro, que vendem os mesmos produtos dos comerciantes de forma irregular nas ruas sem pagar imposto. É uma concorrência desleal. Temos espaço para todo mundo trabalhar. Se eleito, vou organizar esse mercado informal. Já fiz isso em Copacabana e Leme, quando era administrador regional – ressaltou o deputado.

Só no Mercadão de Madureira existem pelo menos 600 lojas. De acordo com Pedro Silva, presidente da Associação Comercial do Grande Mercado de Madureira, passam pelo local cerca de 40 mil pessoas por dia. Em datas comemorativas, o número chega a 90 mil consumidores.

– Os camelôs precisam trabalhar, mas não podem quebrar o mercado formal. A fiscalização da prefeitura só passa uma vez por ano por aqui – disse a lojista Conceição da Silva, de 53 anos.

Indio da Costa apontou também como prioridades para Madureira a presença dos serviços essenciais aos moradores, como iluminação pública. Nesta sexta-feira, o deputado também fez uma caminhada pelo bairro do Méier, acompanhado de candidatos vereador da coligação.

 

‘A Lei da Ficha Limpa mudou o Brasil’, diz Indio da Costa na Zona Oeste

‘A Lei da Ficha Limpa mudou o Brasil’, diz Indio da Costa na Zona Oeste

O candidato a prefeito do Rio pelo PSD, deputado federal Indio da Costa, participou de uma caminhada nesta sexta-feira por bairros da Zona Oeste da cidade. Ele percorreu o calçadão de Bangu e ruas de Padre Miguel e Campo Grande ao lado do candidato a vice, o também deputado federal Hugo Leal (PSB), e da presidente nacional do PMB, Suêd Aidar, além de candidatos a vereador da coligação. No percurso, Indio defendeu a Lei da Ficha Limpa, da qual foi relator.

Indio da Costa, participou de uma caminhada nesta sexta-feira por bairros da Zona Oeste da cidade.
Indio da Costa, participou de uma caminhada nesta sexta-feira por bairros da Zona Oeste da cidade.

–  A Lei da Ficha Limpa mudou o Brasil e mudou para melhor. Eu respeito muito o Supremo e, de fato, quero fazer uma defesa veemente da lei e dizer que não é uma lei dos políticos ou dos deputados, mas, sim, uma lei da sociedade brasileira que precisa seguir adiante – disse.

A declaração de Indio da Costa ocorreu após um debate travado no Supremo Tribunal Federal (STF). Em sessão na última semana, o ministro Gilmar Mendes disse que a Lei da Ficha Limpa parece ter sido feita “por bêbados”. Já o ministro Luís Roberto Barroso rebateu. Segundo ele, a legislação é “sóbria” e “importante”.

De iniciativa popular, a Lei da Ficha Limpa teve o apoio de vários setores da sociedade e foi aprovada em 2010. Ela determina que as pessoas que tiverem as contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas rejeitadas por irregularidade ficam inelegíveis por oito anos a partir da decisão. A norma também impede a candidatura de condenados pela segunda instância da Justiça.

– Eu não vou entrar nesta polêmica. Tem um ministro que diz que o pessoal estava bêbado, tem outro que diz que é uma lei sóbria. O país depende de políticos que sejam corretos e que tenham como objetivo servir as pessoas e não se servir do poder público. Muito menos aqueles que se candidatavam só para se proteger de um crime que já tinham cometido – ressaltou o deputado.

No calçadão de Bangu, Indio conversou com moradores e comerciantes. O candidato ouviu várias reclamações sobre o aumento do IPTU e a falta de médicos em hospitais e Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) municipalizadas da Zona Oeste.

Indio ouviu reclamações sobre o aumento do IPTU e ausências de médicos em hospitais da Zona Oeste.
Indio ouviu reclamações sobre o aumento do IPTU e ausências de médicos em hospitais da Zona Oeste.

O parlamentar também pediu votos em Padre Miguel e, depois, participou de um encontro com moradores de um condomínio construído pelo programa “Minha Casa, Minha Vida”, do Governo Federal, em Campo Grande. No local, onde deveriam haver uma creche ou uma unidade de saúde, como contrapartida da prefeitura, o terreno está vazio.

Indio da Costa faz caminhada em Madureira ao lado do vice Hugo Leal

Indio da Costa faz caminhada em Madureira ao lado do vice Hugo Leal

O candidato a prefeito do Rio pelo PSD, deputado federal Indio da Costa, participou nesta quarta-feira de uma caminhada em Madureira, na Zona Norte. Ele estava acompanhado do seu candidato a vice, o também deputado federal Hugo Leal (PSB), e da presidente nacional do PMB, Suêd Aidar. Os três percorreram o centro comercial do bairro e estiveram com representantes do setor no Mercadão de Madureira.

Indio da Costa faz caminhada em Madureira ao lado de Hugo Leal e Suêd Aidar
Indio da Costa faz caminhada em Madureira ao lado de Hugo Leal e Suêd Aidar

A prefeitura, se eu for eleito, vai trabalhar em cima do microcrédito e, principalmente, na área de segurança pública, complementando a atuação da política militar, que não pode estar em todos os lugares ao mesmo tempo. Vamos preparar e requalificar a Guarda Municipal para isso – disse Indio da Costa em entrevista à rádio do Mercadão.

Em seguida, foi a vez de Hugo Legal:
Assumi um compromisso com o Indio de entregar à população uma cidade melhor. Pôr para funcionar o que não está funcionando. Estou no meu terceiro mandato de deputado federal e sou autor da Lei Seca, que trouxe conscientização no trânsito. É possível fazer uma campanha limpa, mostrando o que está errado para resolver.

No local, Indio da Costa reuniu-se com Horácio Afonso, presidente da Associação Comercial de Madureira, e com Pedro Silva, presidente da Associação Comercial do Grande Mercado de Madureira (ACOGRAMM). No encontro, o candidato recebeu as principais reivindicações das duas entidades, entre elas em relação à desordem no comércio informal da região.

Indio reuniu-se com Horácio Afonso, presidente da Associação Comercial de Madureira, e com Pedro Silva, presidente da Associação Comercial do Grande Mercado de Madureira (ACOGRAMM).
Indio reuniu-se com as associações comerciais do bairro de Madureira e região.

O comércio ambulante não está organizado. Ocupa toda a calçada, atrapalhando os pedestres e os comerciantes. É preciso que tenhamos um espaço para que todos trabalhem de forma planejada. Falta a presença da Guarda Municipal. Já pedimos o apoio da prefeitura, mas alegam que há um problema de contingente. Não há efetivo suficiente. Na nossa opinião, falta comprometimento da atual gestão da prefeitura – ressaltou Horácio Afonso.

Indio começou a pedir votos já no início da manhã. Embarcou logo cedo na estação do metrô General Osório, em Ipanema, na Zona Sul, e seguiu até a Central do Brasil, de onde embarcou num trem até Madureira. Nas ruas, o deputado posou para fotos e vídeos com os eleitores e recebeu reclamações relativas a problemas de infraestrutura no bairro. Próximo à estação, Indio foi convidado por um pastor a participar de uma oração de uma igreja evangélica.

Nas ruas, o deputado posou para fotos e vídeos com os eleitores e recebeu reclamações relativas a problemas de infraestrutura no bairro.
Indio da Costa posou para fotos com eleitores e recebeu reclamações sobre os muitos problemas de ordem pública do bairro.

Acompanhado também por candidatos a vereador pelo PSD, PSB e PMB, Indio da Costa ouviu palavras de incentivo de sua aliada, Suêd Aidar.

O Indio é o melhor candidato. A campanha está apenas começando e nós vamos chegar no segundo turno – afirmou Suêd.

Indio da Costa terá Hugo Leal como vice na chapa

Indio da Costa terá Hugo Leal como vice na chapa

Os diretórios municipais do PSD (Partido Social Democrático), do PSB (Partido Socialista Brasileiro) e do PMB (Partido da Mulher Brasileira) firmaram aliança para disputar a prefeitura do Rio.

O evento aconteceu nesta sexta-feira, na sede do PSB, na Praia do Flamengo.  A chapa registrada tem Indio da Costa (PSD) como candidato a prefeito e Hugo Legal (PSB), candidato a vice. 

A coligação de candidatos a vereador compõe os dois partidos com o número máximo permitido pela lei eleitoral: 77 candidatos, sendo 22 mulheres. 

Indio da Costa terá Hugo Leal como vice na chapa
Indio terá Hugo Leal como vice na chapa

Essa aliança viabiliza a minha candidatura. Uma candidatura de centro, uma candidatura que vai buscar resolver os problemas da cidade, focada em gestão. A experiência do Hugo Leal é extraordinária. Ele foi secretário em várias pastas, deputado federal e já foi deputado estadual. Eu saio daqui muito feliz e tenho certeza absoluta que estou oferecendo para o carioca a melhor alternativa para o Rio de Janeiro – disse Indio da Costa.

 

Segundo Hugo Legal, a aliança com Indio da Costa é programática e com experiência administrativa.

Esta é uma aliança programática, que reúne experiência, competência e capacidade de realizar. Tenho certeza absoluta que o Partido Socialista Brasileiro, ao longo de sua história, hoje, está fazendo novamente história ainda para o futuro. Com o Indio da Costa, estamos oferecendo uma alternativa para o eleitor do Rio. Não tenho dúvida nenhuma que estamos caminhando para a vitória – destacou Hugo Leal.

A presidente nacional do PMB, Suêd Haidar, também participou do encontro.
Fechamos a melhor aliança para o Rio de Janeiro. Não nos preocupa a candidatura de A, B ou C. Queremos ganhar a prefeitura – comemorou Suêd.

A coligação majoritária conta ainda com a participação do Partido da Mulher Brasileira (PMB).
A coligação majoritária conta ainda com o Partido da Mulher Brasileira (PMB).

Na última quinta-feira, Indio da Costa esteve na convenção do PSB, na Associação Brasileira de Imprensa (ABI). Indio discursou e foi aplaudido pelos filiados do partido.
–  Quero ser o candidato a prefeito que possa dividir com PSB a responsabilidade de recuperar capacidade financeira da prefeitura e cuidar das pessoas – ressaltou o deputado. – Nós temos hospitais que não atendem, escolas que não ensinam, obras mal feitas, de péssima qualidade, e muitas delas vão precisar ser refeitas – completou Indio da Costa.